Like this post
Like this post
Like this post

Pelas vielas, pela cidade a luz do dia, uma parede ali no bairro assim dizia Pra curar dor, bom remédio é alegria, na sintonia essa frequência me vicia

1 nota
Like this post
Like this post

Pergunta ao Osho…
Por que o amor é tão doloroso?

Resposta mágica…. 

"O amor é doloroso porque ele cria o caminho para a felicidade. O amor é doloroso porque ela transforma. O amor é mutação. Cada transformação vai ser doloroso, porque o velho tem que ser deixada para o novo. O velho é familiar, seguro, seguro, o novo é absolutamente desconhecido. Você estará se movendo em um oceano desconhecido. Você não pode usar a sua mente com o "novo com o velho, a mente é hábil. A mente pode funcionar somente com o "velho com o novo, a mente é completamente inútil.
Daí, o medo surge, e deixando o velho, mundo, confortável e seguro, o mundo da conveniência, a dor surge. É a mesma dor que a criança sente quando sai do útero da mãe.É a mesma dor que o pássaro se sente quando ele sai do ovo. É a mesma dor que o pássaro vai se sentir quando ele vai tentar pela primeira vez estar na asa.
O medo do desconhecido, e para a segurança do conhecido, a insegurança do desconhecido, a imprevisibilidade do desconhecido, faz uma muito assustada.
E porque a transformação vai ser a partir do auto para um estado de não-eu, a agonia é muito profunda. Mas você não pode ter o êxtase sem passar por agonia. Se o ouro quer ser purificado, tem que passar através do fogo.
O amor é fogo.
É por causa da dor de amor, milhões de pessoas vivem uma vida sem amor. Eles também sofrem, e seu sofrimento é inútil. A sofrer no amor não é sofrer em vão. A sofrer no amor é criativo “que você leva para níveis mais elevados de consciência. A sofrer sem amor é totalmente um desperdício ‘leva a lugar nenhum, ela mantém você em movimento no mesmo círculo vicioso.
O homem que está sem amor é narcisista, ele é fechado. Ele sabe apenas a si mesmo. E quanto ele pode conhecer a si mesmo se ele não conheceu o outro, porque só o outro pode funcionar como um espelho? Você nunca vai saber-se sem conhecer o outro. O amor é muito fundamental para o auto-conhecimento também. A pessoa que não conhece o outro em amor profundo, de paixão intensa, em êxtase absoluto, não será capaz de saber quem ele é, porque ele não terá o espelho para ver seu próprio reflexo.
Relacionamento é um espelho, e quanto mais puro o amor é, quanto maior o amor é, o melhor espelho, o líquido de limpeza do espelho. Mas o maior amor precisa que você deve estar aberto. Quanto maior o amor precisa de você para ser vulnerável. Você tem que largar a sua armadura ‘que é doloroso. Você não tem que estar constantemente em guarda.Você tem que soltar a mente calculista. Você tem que arriscar. Você tem que viver perigosamente. O outro pode te machucar “, que é o medo em ser vulnerável. O outro pode rejeitá-lo “, que é o medo em estar apaixonado.
A reflexão que você vai encontrar no outro do seu próprio eu pode ser feio “, que é a ansiedade. Evitar o espelho. Mas, ao evitar o espelho você não vai se tornar bonito. Ao evitar a situação que você não vai crescer tanto. O desafio tem de ser tomada.
Um tem que ir para o amor. Que é o primeiro passo em direção a Deus, e não pode ser ignorada. Aqueles que tentam ignorar o passo do amor nunca vai chegar a Deus. Que é absolutamente necessário, porque você se torna consciente de sua totalidade somente quando são provocadas pela presença do outro, quando sua presença é reforçada pela presença do outro, quando são trazidos para fora do seu mundo, narcisista fechado sob o céu aberto .
O amor é um céu aberto. Estar apaixonado é estar na asa. Mas, certamente, o céu sem limites cria o medo.”

1 nota